20 de outubro de 2019

Adivinha mensal #32

Estamos a meio do mês de outubro, por isso é tempo de lançar uma nova adivinha, mas antes disso recordo a adivinha do mês passado e a sua solução:

“Qual é o sítio qual é ele
Que fica no Centro de Portugal
Tem o museu Bordalo Pinheiro
A sua loiça é muito arrojada
O seu nome é formado por duas palavras, a primeira começa por C e a segunda por R
Que sítio é?


Solução: Caldas da Rainha


Qual será a adivinha de hoje?

“Qual é o sítio qual é ele
Que fica no Centro de Portugal
Tem a Tapada Nacional e um pão muito saboroso
O seu nome começa com a letra M
Que sítio é?

(a solução sairá sempre no mês seguinte em conjunto com outra adivinha)
  

Qual é o vosso palpite?

18 de outubro de 2019

Ideia curiosa #12

A “ideia curiosa”, de hoje, vem diretamente de Itália.

Será que sabiam que... o conhecido Palazzo Isolani, também designado por Bolgnini, foi construído entre 1451 e 1455 e foi desenhado pelo arquiteto Pagno di Lapo Portigiani?


Eu não fazia ideia, e vocês faziam ideia “disto”? 

ass 



15 de outubro de 2019

Mais marcadores! #66

A rubrica “Mais marcadores!” decidiu “dar à costa” uma vez mais. Desta vez, trouxe dois exemplares bem diferentes, oriundos de países igualmente diferentes.
O primeiro pertence à Polónia e, para além de colorido é bastante bonito. Já o segundo vem de Cuba, mais concretamente, de Habana, e apresenta um dos maiores icones desses país: Che Guevara.



São distintos mas interessantes, qual o vosso preferido?

ass 

13 de outubro de 2019

A beleza também conta! #49

O exemplar de hoje vem das ilhas, mais especificamente, da Madeira e, para (não) variar “é bonito que se farta”. Mostra uma âncora e é dedicado, principalmente, aos “madeiralovers”. Eu acho que é dedicado a todos aqueles que gostam de passear (eu incluída!), especialmente, de barco.


E vocês gostaram deste marcador? Gostam de passear?

ass 

11 de outubro de 2019

De volta do baú #16

A volta de hoje é, uma vez mais, muito conhecida. Pertence ao conceituado escritor, Nicholas Sparks e intitula-se “As palavras que nunca te direi”.
Esta obra, para além de intensa, é comovente e “faz chorar muito”. Por isso, caso não a conheçam aconselho mesmo a sua leitura!


Já conheciam este livro? Ficaram curiosos?

ass

8 de outubro de 2019

Desafio 1+ 3: Gestos que fazem a diferença

Há gestos que fazem a diferença no nosso dia-a-dia. Vamos conhecer alguns exemplos?

Acordar cedo. Agradecer todos os dias. Adotar uma alimentação saudável. Ajudar uma criança a atravessar a estrada. Ajudar um(a) velhote(a) a carregar o saco das compras. Beber água. Brincar com os mais novos.

Dar o lugar a alguém que precisa. Apostar na formação pessoal e profissional. Cuidar da saúde. Dar uma informação. Dar um abraço. Dar um beijinho. Denunciar abusos e casos de violência. Dizer obrigado (a). Doar roupa que já não necessitamos. Doar sangue. Dormir 8 horas seguidas.

Elogiar. Fazer a reciclagem. Fazer as marmitas para o trabalho. Fazer desporto. Fazer voluntariado. Ler. Oferecer a senha do talho ou da peixaria quando percebemos que já não precisamos de nada.

Oferecer comida a quem precisa. Meditar. Não compactuar com injustiças e falsidades. Pedir desculpa. Reconhecer o erro. Respeitar o outro. Ser honesto e dedicado. Ser organizado. Sorrir. Ter a palavra certa no momento certo.


E para vocês, que gestos é que fazem a diferença? 

5 de outubro de 2019

A Marta quer saber…#12

Outubro é um mês par, portanto, é tempo de vos fazer mais um quizz na rubrica “A Marta quer saber…”. Recordo que antes de mostrar o desafio de hoje, quero deixar-vos com a solução, assinalada a cor-de-rosa:


A que lugar pertence o marcador apresentado em cima?

a) Santarém;
b) Lisboa;
c) Figueira da Foz;
d) Coimbra.

A resposta correta era Coimbra, mas qual será a deste mês?


A que lugar pertence o marcador apresentado em cima?
a) Castelo Branco;
b) Silves;
c) Braga;
d) Lisboa.
(a solução sairá em dezembro, juntamente com outro “quizz”)


Qual é o vosso palpite? Alínea a), alínea b), alínea c) ou alínea d)?
ass 

3 de outubro de 2019

Histórias Marcantes #31

A História Marcante que hoje vos apresento intitula-se “Foi sem querer que te quis” e foi escrita por Raul Minh’alma. Esta foi a primeira obra que li deste escritor e foi uma agradável surpresa.
Fala-nos de Beatriz, uma terapeuta ocupacional que, para além de fazer voluntariado, ajuda os idosos, nomeadamente, o Sr. Nicolau, a realizar diversas atividades no seu dia-a-dia.
Importa referir que o Sr. Nicolau tem um neto mimado e pouco simpático, que está sempre a “dificultar-lhe a vida”.
Com a promessa de descobrir a verdadeira receita para o amor, escrita pelo Sr. Nicolau, Beatriz decide ajudar o seu neto Leonardo a tornar-se uma pessoa melhor, “de bem com a vida”, mas será que consegue?

Uma história viciante que vale a pena ler de tão boa que é! Recomendo mesmo a sua leitura!



Já conheciam esta obra?  O que vos pareceu?

ass